Crise socioambiental e dimensão ecológica da tradição judaico-cristã

  • Bruno Pinto de Albuquerque

Resumo

Resumo: Destacamos elementos da Carta Encíclica Laudato si’ que respondem às críticas do historiador Lynn White Jr., para quem o cristianismo estaria na origem da mentalidade de dominação e exploração da natureza e, consequentemente, seria responsável pela atual crise socioambiental. Propomos mostrar, ao contrário deste autor, que a dimensão ecológica ocupa um lugar fundamental na tradição judaico-cristã.

Palavras-chave: Teologia; Ecologia; Relação homem/natureza; História ambiental; Tradição judaico-cristã.


Abstract: We highlight elements of the Encyclical Letter Laudato si’ which respond to the criticism of the historian Lynn White Jr., for whom Christianity would be at the origin of the mentality of domination and exploitation of nature and, consequently, would be responsible for the current socio-environmental crisis. We propose to show, on the contrary, that the ecological dimension occupies a fundamental place in the Judeo-Christian tradition.

Keywords: Theology; Ecology; Relation man/nature; Environmental history; Judeo-Christian Tradition.

Publicado
Jul 4, 2017
Como Citar
ALBUQUERQUE, Bruno Pinto de. Crise socioambiental e dimensão ecológica da tradição judaico-cristã. Dignidade Re-Vista, [S.l.], v. 2, n. 3, p. 11, july 2017. ISSN 2525-698X. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/dignidaderevista/article/view/410>. Acesso em: 18 nov. 2017.