NOVOS “CAMINHOS” PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA

A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO ESCOLAR NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

  • Denizart da Silva Fortuna Universidade Federal Fluminense

Resumo

Resumo


O presente artigo tem o intuito de analisar as contribuições do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID/CAPES) na configuração do Ensino de Geografia. Argumenta-se sobre o papel dessa política pública no sentido de novos direcionamentos para esse campo de estudos sob a condição das reformulações necessárias para a formação inicial docente desenvolvida pelos cursos de licenciaturas. Logo, assume-se que as clivagens entre teoria e prática e ensino e pesquisa precisam ser evidenciadas e superadas assim como o destaque da experiência na constituição do conhecimento escolar.


Abstract


The current article has the goal to analyze the contributions of the Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID / CAPES) in the configuration of the field known as Teaching Geography. It is argued about the role of this public policy in a way of new directions for the field of studies under the condition of the initial teacher education developed by the undergraduate courses’ reformulations. Therefore, it is assumed that the cleavages between theory, practice, teaching and research need to be highlighted and overcome as well as the feature for the experience in the constitution of school knowledgement.

Publicado
Sep 24, 2017
Como Citar
FORTUNA, Denizart da Silva. NOVOS “CAMINHOS” PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA. Revista Educação Geográfica em Foco, [S.l.], n. 1, jan. 1970. ISSN 2526-6276. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/revistaeducacaogeograficaemfoco/article/view/235>. Acesso em: 24 sep. 2017.