O Píer Mauá como Terrain Vague: Planejamento urbano, mídia e arquitetura

  • Bianca Manzon Lupo Doutoranda e Mestre em Arquitetura e Urbanismo, FAU USP.

Resumo

A adesão ao planejamento estratégico e a realização de mega eventos esportivos no Rio de Janeiro contribuíram para a reconstrução da imagem global da cidade no século XXI, configurando novas formas de ocupação do território. Este artigo pretende refletir sobre o conceito de terrain vague, ou terreno vago (SOLÀ-MORALES, 2002), a partir da análise do Píer Mauá, atracadouro originalmente construído em 1948, na região portuária, e que se tornou objeto de disputas urbanas desde os anos 1990 até a construção do Museu do Amanhã, inaugurado em 2015. O presente estudo levanta a hipótese de que planejamento urbano e mídia se tornam fatores essenciais para nortear o pensamento arquitetônico. Investigaremos as principais propostas realizadas para o local (projetos dos anos 1990, Guggenheim Rio e Museu do Amanhã) em conexão com os respectivos planos urbanísticos (Rio Sempre Rio, Porto do Rio e Porto Maravilha) e com as imagens dominantes veiculadas pela mídia (Brasil + 500, Novo Milênio e Sustentabilidade).
Palavras-chave: Terreno vago; Píer Mauá; Guggenheim Rio; Museu do Amanhã.


Abstract
Strategic urban planning and mega sporting events in Rio de Janeiro have contributed to the reconstruction of the city’s global image in the 21st century, configuring new ways of occupying the territory. This article aims to reflect on the concept of terrain vague (SOLÀ-MORALES, 2002) by analyzing the Mauá Pier, a wharf originally built in 1948 at the Rio Port area, and which had become a target of territorial disputes since the 1990s until the construction of the Museum of Tomorrow, inaugurated in 2015. This study will raise the hypothesis that both urban planning and media become fundamental factors for the architectural design thinking for the Maua Pier. Therefore, we will investigate the main architectural designs (including the proposals of the 1990s, Guggenheim Rio, and Museum of Tomorrow) connected to the respective urban plans (Rio Sempre Rio, Porto do Rio, and Porto Maravilha) and to the dominant images broadcasted by media (Brazil + 500, New Millennium and Sustainability).
Keywords: Terrain vague; Píer Mauá; Guggenheim Rio; Museu do Amanhã.

Publicado
Dec 29, 2021
Como Citar
LUPO, Bianca Manzon. O Píer Mauá como Terrain Vague: Planejamento urbano, mídia e arquitetura. Revista Prumo, [S.l.], v. 6, n. 09, p. 14, dec. 2021. ISSN 2446-7340. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/revistaprumo/article/view/1690>. Acesso em: 17 may 2022. doi: http://dx.doi.org/10.24168/revistaprumo.v6i09.1690.
Seção
Artigos