O estatuto performativo das palavras da revelação e da fé na filosofia de Jean Ladrière

  • Thadeu Lopes Marques de Oliveira PUC-RJ

Resumo

O presente artigo tem o objetivo de apresentar alguns aspectos da filosofia de Jean Ladriére relacionados à palavra da fé, que segundo o autor, origina-se através da revelação e é definida por ele com o adjetivo: “performativo”. Tal conceito pode ser encontrado em artigos do autor, que compõem a obra: A articulação do sentido. Antes de descrever e analisar a palavra da fé, o autor contempla a necessidade metodológica de apresentar as diferentes formas de discursos existentes à nível científico e filosófico, para posteriormente explanar as particularidades da palavra da revelação e da fé, em comparação às outras formas de linguagem descritas de antemão. Este problema está inserido no contexto de uma reflexão filosófica crítica dirigida ao pensamento científico hodierno, ocasionada pela dificuldade que um espírito marcado por suas tendências de conhecimento tem para compreender a experiência e o modo de conhecimento da fé. Através dessa reflexão, apresentada por Ladrière, acreditamos ser possível extrair elementos para compreender mais profundamente a natureza do discurso da fé e sua pertinência, bem como a possibilidade da teologia, um discurso racionalmente válido.


 


 

Publicado
Jul 29, 2019
Como Citar
MARQUES DE OLIVEIRA, Thadeu Lopes. O estatuto performativo das palavras da revelação e da fé na filosofia de Jean Ladrière. Pesquisas em Teologia, [S.l.], v. 2, n. 1, p. 1-13, july 2019. ISSN 2595-9409. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/pesquisasemteologia/article/view/803>. Acesso em: 09 dec. 2019.
Seção
Artigos em temas diversos