ESTRUTURAS NO TRANSBORDO CULTURAL: O WAYFINDING DESIGN COMO GUIA NA SINALIZAÇÃO DE MERCADOS PÚBLICOS

  • Hélter Pessôa de Moura Melo Universidade Federal de Pernambuco, Recife, Brasil
  • Meyrillan Souza da Silva Universidade Federal de Pernambuco, Recife, Brasil

Resumo

As complexidades presentes num mercado público tornam necessária a construção de um pensamento espacial e de sinalização que beneficie seus usuários. Sob esse viés, este artigo descreve um experimento de wayfinding realizado no Mercado Público de São José, localizado no bairro de São José (Recife-PE). Objetivou-se, através de entrevistas e propostas de trajeto dos participantes, investigar as informações de sinalização assimiladas como auxiliadoras na orientação espacial do mercado. Analisou-se os trajetos mais usuais, os pontos nodais e os elementos referenciais, tendo em vista pessoas não familiarizadas com o local. Ao fim do processo, ficou evidente o maior número de pontos de referência e tipos de pista do mercado, além da latente necessidade de elaboração de uma sinalização inclusiva, eficiente e que respeite a integridade do Mercado de São José.

Publicado
Jun 30, 2021
Como Citar
MELO, Hélter Pessôa de Moura; SILVA, Meyrillan Souza da. ESTRUTURAS NO TRANSBORDO CULTURAL: O WAYFINDING DESIGN COMO GUIA NA SINALIZAÇÃO DE MERCADOS PÚBLICOS. Ergodesign &amp; HCI, [S.l.], v. 9, n. 1, p. 1-14, june 2021. ISSN 2317-8876. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/revistaergodesign-hci/article/view/1442>. Acesso em: 02 july 2022. doi: http://dx.doi.org/10.22570/ergodesignhci.v9i1.1442.