Acréscimos, Ao Invés de Supressões

Reflexões Pedagógicas Sobre as Representações na Formação de Arquitetos

  • Artur Simões Rozestraten Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAU-USP

Resumo

A partir dos conceitos de sistema aberto, sistema fechado e das possibilidades de combinações híbridas entre tais extremos, este artigo apresenta reflexões sobre a natureza das representações gráficas e tridimensionais, considerando potências, limitações e interações complementares entre diferentes representações. Em seguida, o texto apresenta considerações sobre aspectos conceituais do desenhar, sobre aspectos da história do desenho e analisa suas confluências para o digital. São analisadas, então, algumas características do digital, do ponto de vista tecnológico, reconhecendo tanto o fechamento do sistema quanto as aberturas recentes para interações complementares com outras representações. Para concluir, experiências educacionais recentes realizadas na FAUUSP são apresentadas e formulam-se algumas questões que pretendem estimular o debate e o aprofundamento de
reflexões críticas sobre o tema.


Palavras-chave: Representações; Modelagem tridimensional; Desenho

Publicado
Dec 14, 2018
Como Citar
ROZESTRATEN, Artur Simões. Acréscimos, Ao Invés de Supressões. Revista Prumo, [S.l.], v. 3, n. 5, p. 7, dec. 2018. ISSN 2446-7340. Disponível em: <http://periodicos.puc-rio.br/index.php/revistaprumo/article/view/835>. Acesso em: 21 feb. 2019. doi: http://dx.doi.org/10.24168/revistaprumo.v3i5.835.