A AÇÃO DO DESIGN DE INTERIORES NO SETOR DE RADIOTERAPIA DE UM HOSPITALPÚBLICO UNIVERISTÁRIO, CONSIDERANDO O OLHAR DOS USUÁRIOS

  • Gilberto Rangel de Oliveira Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil http://orcid.org/0000-0001-8963-3442
  • Stella Hermida Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil

Resumo

Compete ao designer de interiores planejar e projetar ambientes internos ou pré-configurados, conforme os objetivos e as necessidades do cliente ou usuário, de modo a otimizar o conforto, a saúde, a estética e a segurança. A partir dessa premissa um grupo de alunos do curso Composição de Interior (Design de Interiores), da Escola de Belas Artes – EBA, da UFRJ, foi instigado a realizar uma intervenção no setor de radioterapia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho - HUCFF.A exigência principal para este projeto era que os discentes utilizassem instrumentos de inquirição tradicionais das Ciências Sociais e da Ergonomia, a fim de melhor captar as necessidades de pacientes, acompanhantes, médicos, enfermeiros e todos que fazem uso daquele setor. O projeto seguiu um percurso metodológico o qual foi dividido em duas etapas: uma de planejamento, inquirição e conceituação e outra de representação gráfica. Aspectos físicos e cognitivos foram considerados. O trabalho apresentado neste artigo foi realizado durante o período de isolamento social, imposto pela pandemia causada pelo vírus da Covid-19 entre os anos de 2020-2021 e apresentará todas as etapas do processo, além reforçar a importância do uso de instrumentos de inquirição para realização de uma intervenção projetual, respeitando os princípios ergonômicos.

Publicado
Dec 30, 2022
Como Citar
DE OLIVEIRA, Gilberto Rangel; HERMIDA, Stella. A AÇÃO DO DESIGN DE INTERIORES NO SETOR DE RADIOTERAPIA DE UM HOSPITALPÚBLICO UNIVERISTÁRIO, CONSIDERANDO O OLHAR DOS USUÁRIOS. Ergodesign &amp; HCI, [S.l.], v. 10, n. 2, p. 58-70, dec. 2022. ISSN 2317-8876. Disponível em: <https://periodicos.puc-rio.br/index.php/revistaergodesign-hci/article/view/1871>. Acesso em: 24 july 2024. doi: http://dx.doi.org/10.22570/ergodesignhci.v10i2.1871.