Notícias

Edição atual

v. 4 n. 8 (2021): Teologia e (Pós)Modernidade

“Pesquisas em Teologia” tem o prazer de fazer chegar aos seus leitores e leitoras o seu oitavo número, dando continuidade a seu trabalho e consolidando sempre mais, assim, o seu escopo de difusão da pesquisa na Área Ciências da Religião e Teologia da CAPES. Os artigos do dossiê deste segundo fascículo de 2021 versam sobre as relações entre Teologia e a Modernidade.

Em sua atual Proposta, o Programa de Pós-graduação em Teologia da PUC-Rio divide-se em duas grandes Áreas de Concentração. A Área de concentração denominada “Teologia Sistemático-Pastoral” trabalha com metodologias bibliográficas e de pesquisa de campo, entende o ser humano como ser sociocultural, com suas muitas interpelações à configuração (ou reconfiguração) eclesial de nossos dias e, ao mesmo tempo, em sua dimensão pessoal integral, bem como no dinamismo de construção de uma espiritualidade encarnada, transformadora e militante.

Nela, os valores da modernidade e da cultura humana são largamente reconhecidos e reintegrados na investigação teológica, como reconhecimento de que a Teologia precisa exercer uma função transformadora tanto fora como dentro da experiência de fé. Na Árvore do Conhecimento da Área 44, ela situa-se nas subáreas: Teologia Fundamental-sistemática; História das teologias e religiões; e Teologia Prática.

Esta Área de concentração aglutina e desenvolve pesquisas que digam respeito às interpelações que a modernidade e sua crise fazem à fé, à religião, ao pensamento e discurso teológicos, destacadamente no que diz respeito às concepções de Deus, de ser humano, as ações e espiritualidades que o humano é capaz de propor, dialogando, para isso, com outras áreas do saber (Filosofia, Literatura, História e Ciências Sociais) e com outras tradições religiosas (notadamente as monoteístas). O presente dossiê quer se associar a estas pesquisas.

Nesse ano de 2021, completam-se quarenta e nove anos da fundação do Programa de Pós-graduação em Teologia da PUC-Rio. “Pesquisas em Teologia”, como indica o seu próprio nome, nasce e se consolida como periódico científico em Teologia atento às questões emergentes e seus impactos na produção teológica. Sem deixar de ofertar espaço para publicações em temática livre, vem procurando articular e organizar melhor as contribuições a partir dos temas propostos nos dossiês.

Nossa comissão editorial entende que isto permite, aos interessados, uma breve visão das temáticas, dos Programas, dos pesquisadores e pesquisadoras envolvidos na construção do conhecimento sobre o tema central do dossiê. Uma primeira aproximação ao “estado da arte” pode, sobretudo, ajudar significativamente na construção da produção intelectual pessoal, em diálogo com os demais pares da Área.

No presente número, “Pesquisas em Teologia” conta com um conjunto de doze artigos. Nove artigos pertencem ao dossiê e os outros três à seção de temas diversos. Agradecemos aos autores, bem como aos avaliadores e avaliadoras que participaram do processo de gestação deste fascículo. Agradecimento particular à Profa. Francilaide Ronsi, doutora em Teologia e docente no Departamento de Teologia da PUC-Rio, pela coordenação deste dossiê e elaboração do editorial que abre este número.

Como afirmado, o dossiê deste número é dedicado ao tema “Teologia e Modernidade”. Enumeramos, a seguir, os títulos das contribuições para o dossiê e seus respectivos autores: “Pós-Deus: cristianismo e hermenêutica no Pensamento de Gianni Vattimo”, de Paulo Sérgio Lopes Gonçalves e Felipe de Queiroz Souto; “Crer que se crê: o Pós-Deus como condição necessária para a fé”, de Flávio José de Paula; “A Pós-modernidade sob análise: reflexão e crítica dos teólogos da libertação”, de Isabel de Lavôr e Silva; “Modernidade, globalização e fé”, de Marcelo Amaral Lanfranchi; “A visão pós-moderna de prazer e os desafios à vida cristã: uma reflexão ético-teológica sobre a formação da consciência do sujeito cristão”, de André Luiz Boccato de Almeida e Lúcia Eliza Ferreira da Silva; "O papel da sexualidade na família moderna, frente aos valores cristãos”, de Alison Humberto Furlan; “Pós-modernidade e a busca de sentido da vida: o neopentecostalismo da IURD e a racionalização da magia como identidade”, de Glauco Barsalini e Natália Fernandes Mororó; “Evangelização e revitalização urbana”, de Josefa Alves dos Santos; e “A fé na modernidade conectada”, de João Eduardo Lamim.

O número conta ainda com três artigos sobre outras temáticas: “Sujeitos do Diálogo: abordagem e implicações a partir da Teologia Católica”, de Éverton Aparecido da Silva; “Oikumene ou um trajeto pela casa comum: origens do ecumenismo”, de Daniele Rocha Saucedo; e “‘E por um profeta ele foi guardado’: tradições e profetismo em Os 12,12-15”, de Ygor Almeida de Carvalho Silva.

Apresentamos, neste último fascículo, aos leitores e leitoras de “Pesquisas em Teologia”, os resumos das teses, dissertações e projetos de iniciação científica desenvolvidos em 2020, em nosso Programa de Pós-graduação. Em especial, as teses e dissertações são uma boa demonstração da vitalidade e consolidação de um Programa.

A Tese é um trabalho acadêmico que expõe o resultado de um estudo ou pesquisa sobre um tema específico e bem delimitado, elaborado a partir de uma investigação original, que caracterizar-se-á como real contribuição para a área em questão. Desde 1972, já foram aprovadas cento e noventa e sete (197) Teses em nosso PPG em Teologia.

A Dissertação é o trabalho acadêmico, sob orientação de um ou mais pesquisadores, visando a obtenção do título de mestre, que apresenta o resultado de um estudo sobre um tema único e bem delimitado, com o objetivo de analisar e interpretar as informações obtidas por meio de uma pesquisa, evidenciando o conhecimento da literatura existente sobre o assunto, assim como a capacidade de sistematização e domínio do tema escolhido. Desde 1972, já foram aprovadas trezentas e setenta e três (373) Dissertações em nosso PPG em Teologia.

O Programa Institucional de Iniciação Científica (PIBIC) visa despertar a vocação científica e incentivar a participação de estudantes de graduação em projetos de pesquisa. Ele é um importante incentivo e uma preparação para o ingresso na pós-graduação. Nesse sentido é que nosso PPG em Teologia tem incentivado, há anos, a participação de nossos graduandos no PIBIC. Apresentamos, neste fascículo, os resumos das pesquisas do XXVIII Seminário de Iniciação Científica, realizado entre os dias 21 e 24 de setembro de 2021, pela PUC-Rio, em modalidade digital.

A comissão editorial agradece, antecipadamente, aos leitores e leitoras pela caminhada ao longo deste ano de 2021 e deseja um bom aproveitamento dos textos que publicamos para a construção dos debates e o avanço da pesquisa acadêmica na Área Ciências da Religião e Teologia.

Prof. Dr. Abimar Oliveira de Moraes
Editor Gerente

Publicado: 2021-12-30

Apresentação

Editorial

Artigos do dossiê

Artigos em temas diversos

Resenhas

Nominata dos Avaliadores ad hoc

Resumos dos projetos de Iniciação Científica

Ver Todas as Edições