Consolidando seu escopo, a revista Pesquisas em Teologia difunde a pesquisa teológica de autoria discente ou em co-autoria com docentes e pesquisadores relativa à Área de Ciências da Religião e Teologia da Capes. Oferecendo, desse modo, aos discentes da Área Ciências da Religião e Teologia, a possibilidade de divulgar os resultados de suas pesquisas.

Os artigos deste segundo fascículo versam, principalmente, sobre a contribuição que os dois últimos pontífices da Igreja Católica romana deram e dão sobre alguns temas relevantes para a teologia e o estudo da religião no cenário atual.

O primeiro artigo é da autoria da doutoranda Gislene Danielski do Programa de Teologia da PUC-Rio. Intitulado “O jovem, lócus teológico da esperança cristã, no pontificado do Papa Francisco”, o artigo pretende mostrar como, desde o início de seu pontificado, sua reflexão magisterial traz uma forte carga de esperança nas juventudes e, a consequente atenção pastoral, para com elas se faz necessária. Para tanto, duas realidades teológicas são analisadas: a reflexão sobre as juventudes produzida pelo Concílio Vaticano II e a reflexão do Papa Bergoglio. A autora conclui que o magistério eclesiástico católico tem profundo e verdadeiro interesse pelos jovens, mas precisa avançar na direção de levar aos jovens a verdadeira esperança cristã.

O segundo artigo – intitulado: “Juventudes e Discernimento Vocacional: breve reflexão sobre o Sínodo dos Bispos na perspectiva da antropologia vocacional” – é de autoria de Elizeu da Conceição, doutorando do Programa de Pós-Graduação em Teologia da Pontificia Università Salesiana de Roma, na Itália. O escopo do artigo é refletir sobre a dimensão antropológica da vocação, entendida como provocação interior que exige respostas no cotidiano de cada jovem. Para tanto, o autor debruça-se sobre o material preparatório da Décima Quinta Assembleia Geral do Sínodo dos Bispos, realizada em outubro de 2018, e que teve como tema os jovens. A partir de uma determinada compreensão vocacional, o artigo, propõe de maneira conclusiva que é necessário repensar alguns aspectos da Pastoral Juvenil, no cenário brasileiro.

O terceiro artigo deste número é de autoria do mestrando Edevaldo Rocha do Programa de Teologia da PUCSP. Discorre sobre “O aspecto missionário das religiões na defesa da casa comum segundo a Laudato Si’”. O objetivo é perceber como a grave crise ecológica está sendo pensado pelo magistério eclesiástico católico do Papa Francisco, em sua encíclica Laudato Si’. Segundo o autor a ecoespiritualidade deve ser uma dimensão profética a ser assumida por todas as religiões. Tal práxis ecológica pode ser alcançada através de três ações: a conscientização ambiental, a educação ambiental e a preocupação com o bem comum.

O quarto artigo é do mestrando Luís Carlos Pereira Santos da Silva do Programa de Teologia da PUC-Rio. Dedica-se ao tema “O teocentrismo da mensagem de Jesus: uma introdução ao significado do Reino de Deus no pensamento de Joseph Ratzinger”. A pretensão do artigo é identificar as bases ou pressupostos sobre os quais Joseph Ratzinger / Bento XVI reflete sobre o conceito “Reino de Deus”. O artigo, após apresentar o lugar do Reino de Deus na vida pública de Jesus e o teocentrismo da sua mensagem, apresenta o significado e a importância da expressão “Reino de Deus”, na teologia ratzingeriana. A conclusão é reafirmar a evidente preocupação que Ratzinger tem em resguardar a referência ao primado da iniciativa divina que irrompe no anúncio do Reino de Deus realizado por Jesus.

Apresenta-se, também, uma resenha de autoria do doutorando da PUC-Rio Fábio da Silveira Siqueira sobre o livro intitulado Malachi. Historical Commentary on the Old Testament, que é uma obra de Sthephanus Daniel Snyman publicada pela editora Peeters, em 2015.

Agradecemos aos leitores pela caminhada desse ano que se encerra e desejamos um bom aproveitamento dos textos que publicamos!

 

Rio de Janeiro, 27 de dezembro de 2018

Prof. Dr. Abimar Oliveira de Moraes

Editor

Publicado: 2018-12-27

Resenhas

Nominata dos Avaliadores ad hoc 2018